a a a

16.7.07

chamado Reñaca (11/06/07)

Novos ares, menos úmidos. Novos ares, mais urbanos. Quem pode negar-se a natureza? Quem pode recusar-se o consolo d’alma?

Mudamos de abrigo, embora, para isso tivéssemos passado cerca de cinco horas à espera do responsável pelo estabelecimento. Sim, senhor, enquanto nenhuma vida respondia, de modo a atender-nos e disponibilizar-nos o quarto que havíamos visitado pela manhã, esperamos amargamente. À frio, fome, dores no corpo. Cansaço, evidente, depois de sofrida condição, entramos enfim, no nosso novo lar provisório.

x7
konidomo
a

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home