a a a

23.4.07

última fronteira pátrida (10/04/07)

De repente saímos de uma condição para a outra: somos um casal e era o dia de nosso aniversário de casamento. E precisávamos pegar a estrada para Esteio, bom era ir pela Estrada do Mar, a partir de Torres. Nem percebemos o limite de Estados, fizemos percursos esquisitos. Até seguimos um senhor, por uma paralela à Freeway. Não pagamos pedágio, ele nos levou por um atalho que interceptava a via depois. Bom assim. Mas acabamos nos perdendo. Tivemos, inclusive, em determinado momento a impressão de fim da linha. A pista acabou, sorte nossa que não em um abismo. Acabou numa ladeira, de súbito, descemos pelo barro. E, reencontrando gente, reencontramos o caminho. Finalmente, achamos a cidade. Chegamos, a muito custo, em Esteio.

sair do Farol
konidomo

Santa Marta.Jericoacoara
konidomo

um brinde
konidomo

"quero ver você em Xangri-lá..."
konidomo

o cara do atalho
konidomo
a

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home