a a a

31.5.07

[ocupação espanhola] escala da cidade (14/05/07)

Desenho urbano quadriculado. As ruas são números, que crescem paralelo. Um típico traçado espanhol, herança da colonização. Ao centro, uma praça a congregar o poder: governo religioso (Igreja), poder político (municipalidade) e outros poderes. Em La Plata, plano idealizado, acrescido de diagonais que cortam a cidade em um “x” principal e outros secundários. Diagonais, para facilitar caminhos de quem conhece a urbe e certamente para confundir a direção dos forasteiros, pois num descuido... Charmosa a cidade, praças, bosque, verde. Conjuntos se reproduzem e distinguem-se por sutilezas. Há um zoneamento por olor, da vegetação. Mas como reconhecer na escala do automóvel? A cidade é de fato para a caminhada, assim pensamos. Caminhando, se percebe elementos novos, cheiros, tamanho variado das quadras, ritmo, tipo de vegetação. Entendemos inclusive que a preferência é de pedestres, pois a população avança travessia, ganha a rua com segurança e altivez. Transitar de automóvel, por sua vez, foi um risco constante para nós, embora soubéssemos da regras locais, os motoristas jamais nos deram preferencial, pareceu-nos imprudente quase sempre, cruzar a rua.


circular por La Plata
konidomo
a

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home